Doc | Lo and behold, reveries of the connected world (2016)


Para este Abril no Sofá decidimos experimentar trazer aqui para o blog uma nova rubrica dedicada aos documentários. Pessoalmente adoro ver documentários, mas por qualquer razão acabo por não os ver com a frequência que queria. Quero mudar isso e talvez esta nova rubrica me ajude. Para o primeiro documentário decidi escolher um bem recente que despertou logo a minha curiosidade não fosse ele sobre a internet e tudo aquilo que ela envolve. 

Eis o Admirável Mundo em Rede conta um bocadinho da história da internet, desde o momento em que ela foi criada, até aos dias de hoje. A sua evolução tecnológica, o quanto tem feito por nos facilitar a vida em muitos aspectos e naquilo que ainda poderá facilitar a nossa vida num futuro próximo. Mas também aborda o lado negro da internet. Porque nesta terra sem lei também muitas coisas más podem acontecer às pessoas. E por fim é um bom momento de reflexão quanto à sociedade em si e quanto a internet nos tem aproximado ou não.
Apesar de não ter adorado a voz do narrador gostei muito do documentário em si. Tem muito foco e vai abordando os vários temas de uma forma muito perspicaz, desde os momentos onde a evolução da internet é enfatizada, bem como nos momentos onde é dada a importância aos problemas que essa mesma internet tem trazido para as pessoas. Para mim e para muitos de vocês que já nasceram com a internet ela foi quase sempre uma grande aliada. Particularmente, eu cresci um pouco com o grande boom que ela teve e acho que estamos a assistir a um nascer de um novo estágio desta rede. Já não estamos a falar de um instrumento de um meio comunicação, mas sim de uma ferramenta que poderá criar robôs capazes de interagirem com os humanos ou carros capazes de conduzirem sozinhos. E este documentário vai falar com algumas pessoas da época da criação da internet e com algumas que estão à frente dos maiores projectos ligados à internet e tentar perceber qual a sua perspectiva com toda esta evolução.
Por outro lado, a internet também trouxe outros prejuízos não só a nível de saúde como a nível dos direitos das pessoas. Quando a internet foi criada ninguém se lembrou de criar leis que protegessem quem por aqui anda e basta ter uma conta em qualquer rede social para podermos experimentar uma qualquer violação dos nossos direitos que não estão a ser protegidas pela lei, uma vez que tacitamente estamos a dar o nosso consentimento para quase tudo o que acontece na internet. Esta é uma realidade em constante movimento e crescimento e que a sociedade também tem de acompanhar.

É um documentário muito bom do ponto de vista técnico, mas que eu gostava de ter visto mais explorado do ponto de vista de como ela nos afecta directamente a nós humanos. Acho que é um documentário que vale muito a pena ser visto e com o qual tenho a certeza que irão aprender muito. 

FICHA TÉCNICA:
🎥 Realizador:  Werner Herzog
📼 98 min; Documentário
♥ 4/5










Share:

2 comentários

  1. Ainda não vi Eis o Admirável Mundo em Rede mas o narrador de que falas será provalvelmente Werner Herzog, o carismático realizador. A sua peculiar cadência, aliada ao familiar sotaque, é uma das características vincadas dos seus excelentes documentários. Recomendo Grizzly Man e Into the Abyss, dois dos meus favoritos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim é ele mesmo, acabei por me esquecer de referenciar isso. Mas recomendo muito este documentário. Into the Abyss é um dos documentários dele que tenho mais curiosidade para ver.

      Eliminar